Procedimentos importantes para concluir a graduação

Este post foi a sugestão de um leitor e achei interessante comentar quais são procedimentos para concluir a graduação presencial ou EAD sem dever nada à instituição.

Além de ter cursado toda a grade curricular da instituição de ensino, você deve ficar atento com alguns pontos para não ficar desesperado no fim do curso.

    • DISCIPLINAS ELETIVAS – Na grade curricular do curso, você tem acesso a essa informação. (Cada curso vai pedir um número ‘X’ de disciplinas eletivas), que são disciplinas extras para sua complementação acadêmica.

    • HORAS COMPLEMENTARES – Cada curso também exige uma carga horária e você tem até o fim da graduação para obter essas horas. No meu caso, no curso de Letras, foram 200 horas complementares. Você pode fazer cursos on-line ou presenciais, palestras, eventos etc. (não esqueça do certificado ou algo que comprove que você fez essas atividades para você anexar na faculdade).
      Já fiz um post sobre as horas complementares e você pode acessar AQUI.
    • ENADE O Enade avalia os os cursos de ensino superior e a cada ano escolhe alguns. Então, você deve sempre procurar quais os cursos foram selecionados para realizar o Enade no ano que você está. Fique calmo, o seu coordenador vai te avisar caso o seu curso seja selecionado, afinal é ele que inscreve os alunos. Não se preocupe com nota. O importante é realizar a prova, caso contrário, não poderá colar grau.
    • DOCUMENTAÇÃO – Você deve estar em dia com sua documentação na secretaria de alunos da faculdade. Muitos alunos deixam para entregar depois o tal histórico escolar e vai cursando a faculdade. Quando está no ano de se formar se desespera porque falta esse documento e muitas vezes mora longe da cidade onde concluiu o Ensino Médio. A secretaria também te informará caso esteja faltando algum documento.
Anúncios

Série: Everything Sucks – Netflix

Imagem extraída da internet.

Esta semana terminei de assistir a primeira temporada de Everything Sucks na Netflix. Infelizmente, saiu uma notícia onde a Netflix diz que cancelou a série, portanto não teremos mais temporadas (o que é uma pena). Leia sobre o cancelamento AQUI.

A série se passa nos anos 90 e conta a história de dois grupos de adolescentes que estão no Ensino Médio. Um grupo faz parte do teatro da escola e outro da área de edição de vídeo. Eles começam a se entroçar, pois resolvem elaborar um filme.

Imagem extraída da internet.

Além disso, a série aborda a questão do homossexualismo. Tudo de uma forma bem sútil e fofa, pois uma das personagens ainda não se identificou com um gênero. Por fim, gostaria de dizer também que tem um casal de adultos (pais de uns dos adolescentes) que roubaram a cena. Toda vez que eles apareciam me fazia rir e foi um romance fofo de assistir.

Mesmo com a Netflix tendo divulgado o cancelamento da série, vale a pena a indicação.

Imagem extraída da internet.

Livro: O tesouro na sombra da árvore – Henrique Rodrigues

Se você gosta de questões ambientais, tem que ler O tesouro na sombra da árvore, de Henrique Rodrigues. Nesse livro vamos conhecer a história de três primos que vivem em cidades diferentes e que se encontram pela primeira vez pessoalmente  no sítio da família para o Grande Encontro dos Primos. Antes, eles só se conheciam através da internet.

O sítio em questão é  do avô de seus pais, um lugar onde eles iam sempre passar as férias quando crianças, mas com a correria do dia a dia nunca mais voltaram mais lá. Sabendo que seus pais querem vender o sítio, os meninos acabam descobrindo o diário de seu bisavó Bené e descobrem que aquele sítio esconde um enorme tesouro que ele mesmo escondeu.

Os três primos passam por uma série de aventuras indo atrás desse tesouro. Vão para a mata e descobrem que o rio que passa pelo sítio está sendo poluído. A questão ambiental é trabalhada de uma forma tão encantadora, sem contar que o livro também aborda a questão familiar de valores, sentimentos e cooperação.

Henrique Rodrigues nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 1975. Formou-se em Letras pela UERJ, cursou especialização em Jornalismo Cultural, também na Uerj, mestrado e doutorado em Literatura na PUC-Rio. Trabalha no Sesc Nacional, como assessor técnico em literatura, coordenando projetos de incentivo à leitura e circulação de manifestações literárias.

SITE DO AUTOR: http://www.henriquerodrigues.net/

ONDE COMPRAR O LIVRO: http://amzn.to/2G7VHQv