Procedimentos para estagiar numa escola estadual

Como esse último estágio preferencialmente é em EJA (Educação de Jovens e Adultos), resolvi fazer em escola da rede pública. O primeiro passo foi procurar as escolas que ofereciam essa modalidade, pois as escolas têm o ensino regular à noite também.

Aqui na minha cidade dois colégios que oferecem o NEJA (como é chamado no Estado – Núcleo de Ensino de Jovens e Adultos): o Colégio Estadual Edmundo Bittencourt e o Colégio Estadual Euclides da Cunha. Não fiz na rede municipal, pois a Estácio não tem convênio com a prefeitura onde moro.

Após isso, tem que pegar a autorização lá na Secretaria Estadual de Educação (aqui no Estado do RJ é a SEEDUC e suas regionais). Verifique qual a regional atende a sua cidade, no meu caso, quem responde por Teresópolis é a unidade de Petrópolis. Eles pediram para eu comparecer lá com os seguintes documentos: Carta de Apresentação do Estagiário, cópia do RG e CPF.

Depois que preencher um papel com seus dados, dados da escola e faculdade, eles te darão a autorização para começar a frequentar a escola. Uma das vias do termo de responsabilidade (aquele com três vias) fica na SEEDUC, ou seja, uma via fica com você, a segunda na faculdade e a terceira na SEEDUC.

Anúncios

Como foi o meu estágio Ensino Médio?

O estágio do ensino médio fiz no CENA – Centro de Ensino Atualizado em Teresópolis (escola particular). Escolhi a mesma escola que estagiei no fundamental II (do 6º ao 9º ano) por já conhecer todos.

Dessa vez acompanhei as aulas de Língua Portuguesa e Literatura nas três séries do Ensino Médio. Posso dize que me identifiquei muito com os adolescentes, afinal dá para manter melhor uma conversa (sim, eles são bem falantes).  Fui muito bem recebida pelos alunos e senti que gostaram de mim.

Inclusive, foram os próprios alunos que pediram para eu dar uma aula para eles, onde tive um feedback bem positivo. Dei uma aula sobre o Trovadorismo no 1º ano do Ensino Médio e vocês podem conferir AQUI.

No último dia do estágio recebi um carinho de algumas alunas do 2º ano. Vieram me agradecer por tudo, que iam sentir saudades e me abraçaram. Pela primeira vez, senti o carinho gratuito que muitos professores falam . Cheguei em casa chorando de emoção por essa demonstração de carinho, obrigada vocês!

Dei uma aula no estágio!

Olá, pessoal! Meu estágio terminou ontem e já estou com saudades de todos. Hoje, vim contar como foi minha aula de regência no estágio na disciplina de Literatura. Tudo começou durante uma conversa com a professora e ela perguntou se no meu estágio teria que dar uma aula, a partir disso, combinamos em qual turma seria e o conteúdo.

Assim, dei uma sobre o Trovadorismo no 1º ano do Ensino Médio, que já era o próximo conteúdo que iriam estudar. O que calhou super bem, já que vi sobre esse assunto há pouco tempo na faculdade e adorei. Então, estudei bastante e preparei minha aula. Minha única dificuldade foi relembrar o período da Idade Média, então recorri aos vídeos no Youtube de História, afinal, falar sobre o Trovadorismo sem falar da Idade Média e o Feudalismo não dá.

A turma foi bastante participativa, leram algumas cantigas e se assustaram com o vocabulário delas que foi escrito em galego português. O feedback deles também foi positivo, falaram que adoraram a aula e que explico direitinho. Espero que agora, eles nunca se esqueçam dessa escola literária e as cantigas de amor, amigo, escárnio e maldizer.

No fim da aula, tinha que ter uma fotinho para deixar registrado esse momento incrível! ❤