Educação no Brasil: O curso de normalista (formação de professores)

contrato_maestraVamos voltar ao tempo, mais precisamente na fase da educação no Brasil, do Curso Normal, também conhecido como normalista e formação de professores. Atualmente é raro ouvirmos falar sobre eles, mas já foram bem importantes durante uma fase da nossa história da educação.

De acordo com uma reportagem que saiu na revista Nova Escola, os profissionais que têm esse tipo de formação e hoje atuam como professores, tem até 2020 para buscar uma especialização em cursos superiores, como Pedagogia e demais licenciaturas. Simplesmente porque o Curso Normal é muito básico comparado com as demais graduações.

Anúncios

4 comentários sobre “Educação no Brasil: O curso de normalista (formação de professores)

  1. Oi Renata, lembro que na época que fiz o “segundo grau”, hoje ensino médio, as meninas geralmente iam para o curso “normal” e eu acabei indo para o “científico” kk, e olhe que só tenho 40 anos, kk sou formada em Administração e também vou fazer o curso de Letras porque cansei dessa vida corporativa. Abço.

    Curtir

    • Oiii Claudia!! Nossa que legal seu depoimento, eu também me lembro do curso normal, mas também não cheguei a optar, fui para o geral mesmo (o ensino médio normal).. Eu tenho 29 anos e também estou na minha segunda graduação. Seja muito bem vinda ao mundo das Letras, com certeza você vai se apaixonar! Beijocas

      Curtir

  2. Oii, Renata!
    Fiz Formação de Professores. E já na época (há 9 anos atrás), diziam que o curso iria acabar. Aqui ainda temos no Instituto Roberto Silveira, em Caxias. Onde fiz, no Colégio Santa Maria, em SJM, já não tem mais.
    Uma pena o curso acabar, pq nunca aprenderemos na graduação o que aprendemos no Formação de Professores. Tudo o que sei sobre sala de aula aprendi lá. A faculdade nos dá o superficial e a teoria, infelizmente… :/
    Adorei o post =)

    Curtido por 1 pessoa

  3. Renatinha este seu blog vem reviver um tempo em que ser normalista era uma honra. Eu agradeço por ter pego está época, como foi citado pela amiga acima, e com pesar que vemos o fim de um curso belo, especial, no qual aprendíamos na prática o que era uma sala de aula em diversos níveis sociais. Aprendíamos que transmitir conhecimento era uma troca e que éramos intermediários para incentivar nossos alunos a buscarem com sede mais conhecimento. E muitos hoje são bem sucedidos, por coragem de jovens que amavam a arte de ensinar, mesmo com o pouco salário que ganhamos. Parabéns por seu blog.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s