Publicidade e Propaganda – Curso e Mercado de Trabalho

lampadas

Sou formada em Publicidade e Propaganda, mas resolvi mudar de profissão e atualmente faço Letras. Em um post anterior, disse que ia escrever um pouco mais sobre o curso de Publicidade e Propaganda para ajudar quem quer seguir essa profissão.

Para começar, não estou dizendo para você não fazer esse curso, só porque eu desisti da área. Aqui vou contar melhor o que aconteceu comigo e dar um panorama geral do curso e da profissão.

O curso na verdade é Comunicação Social, e tem a habilitação de Publicidade e Propaganda ou Jornalismo, ambos tem duração de 4 anos. Na universidade que cursei, você tinha que escolher logo de início qual habilitação queria, mas nada que te impeça de mudar de um para outro ao longo do curso.

Falando especificamente sobre Publicidade e Propaganda, o curso tem várias disciplinas da área, como Fotografia Publicitária, Direção de Arte, Mídias Digitais, Psicologia do Consumidor, entre outras. Mas possuí também disciplinas teóricas, que normalmente o pessoal de Jornalismo também faz, que são Teoria da Comunicação, Política da Comunicação, Marketing, etc.

O que aconselho e acho fundamental para quem faz ou quer cursar Publicidade é saber mexer em programas de edição e manipulação de imagens, como Photoshop, CorelDraw, Illustrator, InDesign. Esses programas são essenciais e básicos para qualquer estudante da área e se você não souber mexer considero que fica um pouco mais difícil.

No curso tem algumas disciplinas que te ensinam a mexer nesses programas, mas é tudo muito básico. O ideal é você ir atrás e procurar saber como se trabalha melhor com essas ferramentas.

publicidade

Dentro da Publicidade e Propaganda tem várias áreas que você pode trabalhar:

  • Atendimento (que faz a ponte entre cliente e a agência de publicidade – realiza briefing)
  • Planejamento (responsável por planejar a campanha de acordo com o briefing)
  • Criação (cria e desenvolve a campanha – coloca a mão na massa)
  • Mídia (escolhe a mídia que será veiculada a campanha – seja na TV, jornal, revista. Ele lida com números para calcular os anúncios em cada meio).
  • Mídia Digitais (responsável pelas redes sociais das empresas)

Nem preciso falar que a área mais concorrida é a de Criação. Muita gente gosta e tende a ir para essa área, mas você tem que ser muito bom para conseguir se destacar. Até porque as agências de publicidade TOPs aqui no Brasil são poucas e se concentram no Rio e São Paulo.

O lado negativo dessa área é que não tem um órgão ou conselho que regulamenta essa profissão, então desvaloriza muito o profissional. Infelizmente muitas empresas por aí, principalmente as menores, costumam a contratar pessoas que fazem um curso de Web Design nesses cursos de informática, do que um profissional com graduação e que estudou 4 anos para isso.

Quero deixar claro que não estou desmerecendo quem fez esses tipos de cursinho, até porque eu também fiz, mas que desvaloriza o profissional da área (Publicitários e Design Gráfico) desvaloriza. Eu fiz, mas já ia entrar na faculdade, então fiz esse cursinho para entrar na faculdade sabendo mexer nos programas de edição e manipulação de imagens, como falei anteriormente.

Saiba, que o curso de Publicidade e Propaganda é muito mais do que simplesmente saber mexer em Photoshop. É conhecer, analisar o seu cliente e seu consumidor, planejar estratégias para atingir seu público alvo.

Anúncios

2 comentários sobre “Publicidade e Propaganda – Curso e Mercado de Trabalho

  1. Renata! Muito bom seu texto! Muito bem explicativo. Apenas acho que é ilusão o estudante entrar na faculdade de Publicidade e Propaganda por apenas considerar que tem que ter facilidade com programas como Corel, Photoshop, Indesign, entre outros. Digo isso, porque minha grande dificuldade não foi o software, quando na verdade, o grande desafio, é saber vender, é ter uma atendimento diferenciado e acima de tudo saber vender. Como diz o Botini do Shoptime, é VENDER, VENDER E VENDER!!! Quem trabalha só com software não se dá bem na área, pois este segmento não é valorizado, portanto, quem entrar na área de publicidade, pense: será que sei vender o meu peixe? Fica a dica!

    Curtir

    • Oi Julinei, muito obrigada.. Sabe que quando resolvi falar um pouco sobre o curso de Publicidade sabia que você ia ler e comentar, pois também é um comunicólogo. Realmente, o que você disse é super válido. Você tem que ser bom de lábia, saber persuadir, usar de estratégias de marketing para atingir de melhor forma seu público alvo. Você tem que convencer que seu cliente precisa daquele produto ou serviço e não medir esforços para conseguir isso. Obrigada por sempre contribuir.
      Beijocas

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s